Cuiabá 17/09/2019
Busca:  
 Home
 Últimas Notícias
 Cidades
 Política
 Esporte
 Polícia
 Meio Ambiente
 Turismo
 Agronegócio
 Mundo
 Artigos
 Aúdio e Video
 Galeria de Fotos
 Quem Somos
 Fale Conosco
Tunel do Tempo
 
Aquecido "Triângulo da Lavagem"

 Denuncias
 Enquete


Meio Ambiente
Ibama flagra extração ilegal de madeira em terra indígena e polícia prende 12 pessoas em MT

Os policiais relataram que 'os trabalhadores estavam em condições subumanas', em condições análogas à escravidão. Eles teriam sido trazidos de Minas Gerais para trabalhar na exploração de madeira.


 

Uma operação flagrou uma situação de extração ilegal de madeira na Terra Indígena Urubu Branco, município de Confresa, a 1.160 km de Cuiabá. Doze pessoas que trabalhavam na área foram presas. A ação ocorreu na sexta-feira (3) e foi divulgada nesta segunda-feira (6).

A operação foi feita em conjunto entre policiais militares, agentes do Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis (Ibama), servidores da prefeitura e Fundação Nacional do Índio (Funai).

A quadrilha atuava na extração ilegal de madeira na terra indígena. Os policiais e os agentes flagraram caminhões, tratores, toras e lascas de madeira da espécie roxinho.

As equipes destruíram vários acampamentos e conduziram 12 pessoas para a delegacia da Polícia Civil em Confresa.

Os presos responderão por formação de quadrilha, acesso indevido a terra indígena e furto de madeira em área federal.

Foram apreendidos dois tratores e uma retroescavadeira. O homem que coordenava a extração fugiu ao ver a chegada dos policiais e agentes.

Os trabalhadores estariam em condições análogas à escravidão. De acordo com a Polícia Civil, o caso será investigado pela Polícia Federal, já que o crime ocorreu em terras da União.

Os policiais relataram que 'os trabalhadores estavam em condições subumanas'. Eles teriam sido trazidos de Minas Gerais para trabalhar na exploração de madeira.

 

Os 12 trabalhadores foram levados no sábado (4) à cadeia do município de Porto Alegre do Norte, a 1.143 km de Cuiabá.


 

Autor: Por Denise Soares, G1 MT
Data: 06/05/2019
Noticias da Sessão: Meio Ambiente
» Tempo seco e calor: Três bairros lideram as queimadas na zona urbana em Cuiabá
» Desmatamento: Primeira fiscalização com novo sistema de monitoramento gera R$ 7,5 milhões em multas
» Municípios com maior número de queimadas tiveram as maiores taxas de desmatamento em 2019, diz Ipam
» Ministro afirma que parte dos incêndios é intencional
» Parque Nacional: Incêndio atinge Chapada há 6 dias e destrói área de 30 km
» Fim das sacolas dos supermercados impõe mudança de hábitos aos cidadãos
» Brasil é o país que mais altera leis que deveriam proteger a Amazônia, indica estudo
» Extensa programação: 15ª Semana do Meio Ambiente tem início com caminhada no Parque Mãe Bonifácia
» França bane uso de fungicida epoxiconazol por preocupações com saúde
» Relatório aponta mais impactos negativos do plástico no meio ambiente e na saúde humana
» Ibama flagra extração ilegal de madeira em terra indígena e polícia prende 12 pessoas em MT
» Desmatamento diminui 77% da Amazônia em MT em março de 2019, diz governo
» Mudanças climáticas abalaram a vida de 62 milhões só no ano passado, diz relatório da OMM
» Fim de semana produtivo para o Batalhão de Polícia Militar de Proteção Ambiental
» Batalhão de Polícia Militar de Proteção Ambiental apreende 173 palanques de madeira durante Operação Ágata em Cáceres-MT*
 
Tempo
 
Copyright © 2008 Todos os direitos reservados ao NavegadorMT.