Cuiabá 19/08/2019
Busca:  
 Home
 Últimas Notícias
 Cidades
 Política
 Esporte
 Polícia
 Meio Ambiente
 Turismo
 Agronegócio
 Mundo
 Artigos
 Aúdio e Video
 Galeria de Fotos
 Quem Somos
 Fale Conosco
Tunel do Tempo
 
Aquecido "Triângulo da Lavagem"

 Denuncias
 Enquete


Cidades
Santa Casa fechada: Prefeitura afirma que pacientes continuam recebendo atendimento

Essas unidades já possuem convênio com a Prefeitura e tiveram contrato aumentado para atender a demanda excedente.


 

A Secretaria de Saúde de Cuiabá, que é a responsável pela regulação e encaminhamento dos pacientes tanto da Capital quanto do interior que recebem tratamento médico pelo SUS na cidade, informou que nenhum paciente deixou de receber atendimento por causa da paralisação da Santa Casa de Misericórdia de Cuiabá, que paralisou suas atividades em 11 de março.

 

Segundo a Secretaria os novos pacientes foram encaminhados para atendimento no Hospital Geral, Hospital de Câncer de Mato Grosso, Hospital Santa Helena e também clínicas particulares. Essas unidades já possuem convênio com a Prefeitura e tiveram contrato aumentado para atender a demanda excedente.

 

Diferente de unidades como o Pronto-Socorro de Cuiabá, a Santa Casa é uma instituição filantrópica e, portanto, privada, na qual são contratados e pagos serviços, onde não é possível fazer investimentos diretos, apenas pagamentos pelo atendimento realizado. Com o fechamento da unidade, foi feito um remanejamento através de outros hospitais, para que a demanda pudesse ser atendida. 

 

Permanecem em atendimento na Santa Casa os pacientes da oncologia infantil, pois foi feito um acordo com a equipe médica para que os médicos possam receber diretamente, o que está sendo analisado pelo jurídico da Secretaria.

 

Leia também - Diretor é acusado de ser agressivo e mal educado com funcionários; veja

 

Já a oncologia adulta, “os pacientes continuam em atendimento, pois foi feito acordo com a equipe, que e maneira respeitosa continuam a atendê-los no estabelecimento do Centro de Oncologia de Cuiabá (COC)”, informou o superintendente da Central de Regulação, João Milanez.

 

Continuam internados na Santa Casa 4 pacientes da oncologia infantil, que segundo a Secretaria, “não quiseram ser transferidos por decisão dos pais, que gostam muito do tratamento recebido”, explica o superintendente.

 

Milanez explica que o grande problema atualmente é a sobrecarga do restante do sistema, como o Pronto-Socorro de Cuiabá, que não dispõe mais de leitos de retaguarda para apoio e precisou atender pacientes nos corredores. “Todo o sistema fica sobre carregado com o não atendimento da Santa Casa. Porém, tudo está acontecendo de forma metódica e por etapas”.

 

Autor: GD: Thalyta Amaral
Data: 18/04/2019
Noticias da Sessão: Cidades
» Assembleia de SP aprova projeto que prevê cesárea sem indicação médica no SUS
» Eliminação de Tarifas: Acordo Mercosul-UE vai beneficiar setor de fruticultura, diz Bolsonaro
» Petrobras reduz preço do diesel em 4,6% e acaba com periodicidade para reajustes
» Regularização Fundiária: Fruto de ocupações, Cuiabá tem 61% dos bairros irregulares
» Parceria entre Prefeitura e comunidade promove revitalização do Centro de Saúde do Tijucal
» Sem Piquetes: TJ proíbe sindicato de impedir entrada de professores em escolas
» Estratégia de Cuiabá no combate ao aedes aegypti é destaque nacional
» Prefeitura de Cuiabá convoca candidatos aprovados no Processo Seletivo da Educação
» Veja lista: Concursos em Mato Grosso têm salários de até R$ 5,5 mil
» Empresas e motoristas fecham acordo; ônibus voltam a circular
» Greve dos servidores da educação de MT completa duas semanas sem acordo com o governo
» Compromisso: Prefeitura se compromete a ajudar no pagamento dos salários atrasados dos funcionários da Santa Casa
» Personagens de MT: "Rondon foi um grande pacifista e merecia o Prêmio Nobel"
» No berço da cidade: Ceramistas abrem ateliê e querem resgate do Centro Histórico
» Operação Lei Seca: Polícia prende 8 motoristas embriagados e apreende 34 veículos
 
Tempo
 
Copyright © 2008 Todos os direitos reservados ao NavegadorMT.