Cuiabá 26/03/2019
Busca:  
 Home
 Últimas Notícias
 Cidades
 Política
 Esporte
 Polícia
 Meio Ambiente
 Turismo
 Agronegócio
 Mundo
 Artigos
 Aúdio e Video
 Galeria de Fotos
 Quem Somos
 Fale Conosco
Tunel do Tempo
 
Aquecido "Triângulo da Lavagem"

 Denuncias
 Enquete


Politica
Projeto Pronto: Mendes diz que novo Fethab destinará R$ 500 mi à infraestrutura

Governador apresentou teor de projeto ao presidente da Assembleia, em encontro na manhã de terça


 

O governador Mauro Mendes (DEM) afirmou que o novo projeto do Fundo Estadual de Transporte e Habitação (Fethab), que irá fundir o fundo 1 e 2, vai garantir que R$ 500 milhões dos recursos obtidos sejam investidos em infraestrutura.

 

O fundo foi criado com objetivo de financiar a infraestrutura e habitação, mas tem sido usado para o pagamento de salário, entre outras obrigações do Executivo.

 

“Esse projeto traz algumas alterações, sendo que a maior delas é a garantia de mais de R$ 500 milhões desse fundo arrecadado à infraestrutura, coisa que não estava acontecendo anteriormente”, afirmou.

 

Antes, o dinheiro arrecadado caía na Fonte 100 da Conta única e esse valor estava sendo utilizado basicamente para pagar salário

“Antes, o dinheiro arrecadado caía na Fonte 100 da conta única e esse valor estava sendo utilizado basicamente para pagar salário ou até financiamento de infraestrutura”, disse Mendes.

 

Apesar disso, o próprio secretário de Fazenda Rogério Gallo já revelou que parte do recurso será, legalmente agora, destinado para pagar os salários. Ao todo, os dois fundos arrecadam pouco mais de R$ 1 bilhão.

 

Outras medidas

 

Além do Fethab, Mendes envia nesta quinta-feira (10) para a Assembleia uma série de projetos que devem impactar de forma positiva do caixa do Estado.

 

Entre eles, a reforma de todas as secretarias; uma versão estadual da Lei de Responsabilidade Fiscal (LRF); e um substitutivo integral à Lei Orçamentária Anual (LOA) de 2019, enviada pelo ex-governador Pedro Taques (PSDB).

 

Os projetos foram apresentados ao presidente da Assembleia Legislativa, deputado Eduardo Botelho e o futuro líder do Governo, Dilmar Dal’Bosco, ambos do DEM. Nesta quarta-feira (09), o governador apresenta as medidas para todos os 24 parlamentares.

 

“Essas leis versam sobre um pacto com Mato Grosso para que possamos tirar o Estado desse caminho muito ruim que ele se encontra. Hoje, o Governo do Estado não consegue honrar os seus compromissos”, afirmou Mendes.

 

“Não paga mais salário em dia, atrasou décimo terceiro de dezembro, não pagou o salário de dezembro, fornecedores há meses e até anos sem receber. Inadimplência com os hospitais, com a Saúde. É uma situação financeira muito ruim, muito delicada”, completou.

 

Leia mais sobre o assunto:

 

Mendes encaminha projetos e pede “força-tarefa” da Assembleia

 

Em uma semana, Mendes envia à AL reforma, Fethab e novas leis

 

No primeiro dia, Mendes se reúne com Gallo e analisa caixa de MT

   

Assembleia encurta férias e vota medidas de Mendes em janeiro

 

Autor: Midia News - DOUGLAS TRIELLI DA REDAÇÃO
Data: 08/01/2019
Noticias da Sessão: Politica
» Novos critérios: Governo do Estado sinaliza dificuldade para pagar RGA em 2019
» Empréstimo: Botelho quer reunir deputados e crê em "aprovação tranquila"
» Envolvido na Lava Jato: Parlamentares do PT se posicionam sobre Michel Temer
» Michel Temer chega à Superintendência da PF no Rio; ex-presidente vai ficar sozinho em sala
» Sistema Político: Mendes assume negociação com deputados da base na AL
» Cutucada de Emanuel: Mendes nega veneno e diz: “Fui prefeito e Santa Casa não fechou”
» Reunião na Petrobras: Mendes pede autorização para comprar gás natural da Bolívia
» Cargo vitalício: Governo e TCE vão acatar decisão que suspende posse de Maluf
» Foco na administração: Emanuel admite reunião com partido, mas não fala em reeleição
» Presidente da ALMT discorda de juiz e nega que escolha de deputado para vaga no TCE tenha sido rápida
» Cadeira no TCE, acompanhe: Candidatos a conselheiro fazem explanação; Rezende retira nome
» 'Número suficiente', diz presidente sobre quantidade de servidores da Câmara de Cuiabá
» Setor Público e Privado: Reforma da Previdência será enviada ao Congresso na quarta
» General da reserva, novo ministro da Secretaria-Geral atuou no Haiti e é paraquedista como Bolsonaro
» Suspeita de Superfaturamento: Governo fez pregão para comprar colheres de plástico a R$ 6 cada
 
Tempo
 
Copyright © 2008 Todos os direitos reservados ao NavegadorMT.