Cuiabá 15/07/2019
Busca:  
 Home
 Últimas Notícias
 Cidades
 Política
 Esporte
 Polícia
 Meio Ambiente
 Turismo
 Agronegócio
 Mundo
 Artigos
 Aúdio e Video
 Galeria de Fotos
 Quem Somos
 Fale Conosco
Tunel do Tempo
 
Aquecido "Triângulo da Lavagem"

 Denuncias
 Enquete


Meio Ambiente
Piores desastres climáticos de 2018 causaram US$ 85 bilhões em danos, diz estudo

O calor extremo provocado por mudanças climáticas atingiu todos os continentes povoados este ano, diz uma instituição britânica.


 

De enchentes a episódios de calor extremo, 10 dos piores desastres climáticos de 2018 causaram o equivalente a pelo menos US$ 84,8 bilhões em prejuízos, segundo estudo publicado pela organização de caridade Christian Aid nesta quinta-feira (27).

O calor extremo provocado por mudanças climáticas atingiu todos os continentes povoados este ano, afirmou a instituição britânica, advertindo que ações urgentes são necessárias para combater o aquecimento global.

"Esse relatório mostra que, para muitas pessoas, a mudança climática está tendo impactos devastadores em suas vidas e meios de subsistência agora mesmo", disse Kat Kramer, que lidera o trabalho de questões climáticas da Christian Aid, em comunicado.

Especialistas afirmam que o aquecimento do mundo leverá a ondas escaldantes de calor, mais chuvas extremas, redução de colheitas e a crescente escassez de água, causando tanto perdas monetárias como sofrimento humano.

Quase 200 países estão tentando limitar o aumento das temperaturas médias do mundo de acordo com o acordo climático de Paris, embora alguns alertem que o progresso para atingir as metas tem sido lento.

Os eventos climáticos mais caros de 2018 foram os furacões Florence e Michael, que causaram o equivalente a ao menos US$ 32 bilhões em danos ao atingirem Estados Unidos, Caribe e partes da América Central, segundo o relatório.

 

Os Estados Unidos também sofreram ao menos US$ 9 bilhões em danos causados por incêndios florestais, que provocaram dezenas de mortes e destruíram milhares de casas na Califórnia.

 

O Japão foi fortemente afetado por enchentes severas, seguidas pelo violento tufão Jebi que, juntos, causaram mais de US$ 9,3 bilhões em danos, segundo o estudo.

 

O relatório também citou seca na Europa, 6 enchentes no sul da Índia e o tufão Mangkhut nas Filipinas e na China entre os desastres climáticos mais caros de 2018.

Os autores do levantamento chegaram ao custo total usando dados de fontes como governos, bancos e companhias de seguro, embora, em alguns casos, os números tenham coberto apenas as perdas protegidas por seguros e não tenham sido capazes de contabilizar o custo humano dos eventos.

 

 

Autor: Por Reuters
Data: 28/12/2018
Noticias da Sessão: Meio Ambiente
» Fim das sacolas dos supermercados impõe mudança de hábitos aos cidadãos
» Brasil é o país que mais altera leis que deveriam proteger a Amazônia, indica estudo
» Extensa programação: 15ª Semana do Meio Ambiente tem início com caminhada no Parque Mãe Bonifácia
» França bane uso de fungicida epoxiconazol por preocupações com saúde
» Relatório aponta mais impactos negativos do plástico no meio ambiente e na saúde humana
» Ibama flagra extração ilegal de madeira em terra indígena e polícia prende 12 pessoas em MT
» Desmatamento diminui 77% da Amazônia em MT em março de 2019, diz governo
» Mudanças climáticas abalaram a vida de 62 milhões só no ano passado, diz relatório da OMM
» Fim de semana produtivo para o Batalhão de Polícia Militar de Proteção Ambiental
» Batalhão de Polícia Militar de Proteção Ambiental apreende 173 palanques de madeira durante Operação Ágata em Cáceres-MT*
» Baleia é encontrada morta com 40 quilos de plástico no estômago
» Tailândia enfrenta difícil caminho para deixar dependência de plástico
» Deputados apresentam sete projetos para alterar política de barragens
» Após denúncia: PM e Juvam apreendem mais de 400kg de pescado irregular
» Fernando de Noronha já tentou vetar o plástico descartável em 1996; novo decreto prevê multa a partir de abril
 
Tempo
 
Copyright © 2008 Todos os direitos reservados ao NavegadorMT.