Cuiabá 18/12/2018
Busca:  
 Home
 Últimas Notícias
 Cidades
 Política
 Esporte
 Polícia
 Meio Ambiente
 Turismo
 Agronegócio
 Mundo
 Artigos
 Aúdio e Video
 Galeria de Fotos
 Quem Somos
 Fale Conosco
Tunel do Tempo
 
Aquecido "Triângulo da Lavagem"

 Denuncias
 Enquete


Polícia
Skunk: Polícia Civil faz a maior apreensão de "super-maconha" em MT

Segundo informações a Polícia, a droga vinha de Mato Grosso do Sul para abastecer a Capital


 

Uma ação conjunta da polícias Civil e Rodoviária Federal apreendeu 552 tabletes de maconha e 55 pacotes de skunk nesta terça-feira (24), na BR-163, em Cuiabá. A droga é proveniente do Estado de Mato Grosso do Sul.

 

A carga de skunk (uma variedade de maconha com teor mais potente de substâncias psicoativas) é a maior já apreendida pela Polícia Civil em Mato Grosso. Essa nova droga vem se espalhando pela Capital de forma mais destrutiva ainda.

 

O veículo que trazia a droga seguia pelo km 375 da BR-163, nas proximidades do posto da PRF na entrada da Capital, por volta das 12h10.

 

“Em razão do fortalecimento das investigações na região metropolitana, o trabalho da DRE tem sido realizado especialmente em duas frentes, no combate ao tráfico doméstico (com a desarticulação das bocas de fumo) e também na identificação de grandes fornecedores”, disse o delegado Marcelo Miranda Muniz.

 

O delegado titular da DRE, Vitor Hugo Bruzulato, disse que as ações de combate ao tráfico serão "intensificadas", especialmente em relação a maconha, skunk e pasta base de cocaína.

 

A droga

 

O skunk é uma maconha dotada de maior concentração de substâncias psicoativas produzidas mediante cruzamentos de várias espécies do mesmo gênero (Cannabis sativa, Cannabis indica e Canabis ruderalis) e cultivadas em ambiente controlado, visando obter plantas com maior concentração de THC (tetra-hidrocanabinol) - substância psicoativa com poder narcótico presente nas espécies desse gênero.

 

Usualmente, a concentração de THC na maconha é de 2% a 4%. No skunk, essa concentração é de aproximadamente 14% a 15%, podendo chegar a 30%, dependendo das espécies e da qualidade das sementes usadas.

 

Autor: Midia News - DA REDAÇÃO
Data: 24/07/2018
Noticias da Sessão: Polícia
»
 
Tempo
 
Copyright © 2008 Todos os direitos reservados ao NavegadorMT.