Cuiabá 16/02/2019
Busca:  
 Home
 Últimas Notícias
 Cidades
 Política
 Esporte
 Polícia
 Meio Ambiente
 Turismo
 Agronegócio
 Mundo
 Artigos
 Aúdio e Video
 Galeria de Fotos
 Quem Somos
 Fale Conosco
Tunel do Tempo
 
Aquecido "Triângulo da Lavagem"

 Denuncias
 Enquete


Politica
Ex-aliados: “Escolho companheiros leais que ficam comigo, não adversários”

Ex-aliados articulam candidatura contra o governador Pedro Taques, que deve sair à reeleição


 

O governador Pedro Taques (PSDB) afirmou que não vê com preocupação o fato de ex-aliados se reunirem em torno de um projeto eleitoral para enfrentá-lo nas eleições deste ano.

 

Nesta semana, a foto de um almoço entre líderes de oito partidos ganhou repercussão nos bastidores da política mato-grossense. Sentados a mesa estavam o ex-prefeito de Cuiabá, Mauro Mendes (DEM), de Lucas do Rio Verde, Otaviano Pivetta (PDT), além do deputado estadual Zeca Viana (PDT), o ex-vice governador Carlos Fávaro (PSD), entre outros.

 

É bom que tenhamos candidatos. Eu escolho os companheiros leais que ficam comigo, não eventuais adversários

“Não tenho nem um pouco de preocupação. Isso faz parte da política. Cada um tem que seguir seu caminho. Isso recebe o nome de liberdade”, disse Taques, ao ser questionado sobre o encontro, na manhã desta quarta-feira (11).

 

“É bom que tenhamos candidatos. Eu escolho os companheiros leais que ficam comigo, não eventuais adversários”, acrescentou o governador.

 

Taques sinalizou que, ao menos por ora, não deve tentar se reunir com os políticos presentes no encontro para tentar uma aproximação com vistas à disputa eleitoral de outubro.

 

“É bom que tenhamos candidatos. Eu estou preocupado em administrar Mato Grosso e trabalhar bastante”, disse.

 

“Vou conversar sobre eleição na hora certa. É normal que as pessoas se reúnam ao menos pra almoçar”, concluiu o governador.

 

Bacalhau & Urnas

 

Estiveram no almoço realizado na última segunda (9), representantes do DEM, PDT, PSD, PRB, Pros, PCdoB, PHS e PP.

 

O encontro foi convocado pelo deputado estadual  Zeca Viana, presidente regional do PDT.

 

Oficialmente, o grupo preferiu não trabalhar nenhum nome ao cargo de Governo, mas irá massificar a imagem de suas principais lideranças através de viagens periódicas por todas as regiões de Mato Grosso.

 

“Nós não discutimos nomes nem composição. Discutimos que existe um desejo de mudança e um desejo de construir um novo projeto para o Estado”, disse o deputado Fabio Garcia.

 

Leia mais sobre o assunto:

 

Em almoço, grupo define "projeto" por MT e quer massificar líderes

 

DEM define prazo para Mendes decidir se disputará o Governo

 

Autor: Midia News - CAMILA RIBEIRO DA REDAÇÃO
Data: 11/04/2018
Noticias da Sessão: Politica
» Pré-campanha: Defesa de Selma Arruda apresenta alegações finais sobre abuso de poder e caixa 2
» Reação de Produtores: Prefiro começar vaiado e terminar aplaudido, diz Mendes
» Marcha no CPA: Servidores públicos protestam contra escalonamento e pela RGA
» Indicação da Assembléia: Rito para escolha de conselheiro deve ser publicado na terça-feira
» Blocos em discussão: Deputados articulam composição de Comissões Permanentes
» Operação Sodoma: TJ retira tornozeleira eletrônica de Silval, filho e mais 14 pessoas
» A bancada dos réus na Alerj: 1 em cada 5 deputados responde a processos criminais ou está preso
» "Vou contribuir, mas não abro mão da independência", diz Misael
» "Escolha do novo conselheiro do TCE será transparente e criteriosa"
» Pacote de Moro: "Medidas endurecem combate ao crime organizado e corrupção"
» Defensor da taxação: Tucano pede para reeditar CPI da Renúncia e Sonegação
» Despedida momentânea: Maggi diz que ainda é cedo para dizer se abandona carreira política
» Nova Legislatura: Assembleia tem 14 partidos e minoria na oposição a partir de 2019
» Ratos na merenda: Prefeitura adquiriu 48 ton de pão, mas escolas não receberam
» Caixa 2: Ministério Público encontra cheque omitido por senadora Selma Arruda
 
Tempo
 
Copyright © 2008 Todos os direitos reservados ao NavegadorMT.