Cuiabá 19/04/2018
Busca:  
 Home
 Últimas Notícias
 Cidades
 Política
 Esporte
 Polícia
 Meio Ambiente
 Turismo
 Agronegócio
 Mundo
 Artigos
 Aúdio e Video
 Galeria de Fotos
 Quem Somos
 Fale Conosco
Tunel do Tempo
 
Aquecido "Triângulo da Lavagem"

 Denuncias
 Enquete


Politica
Selma Arruda disputará o Senado para fazer o que não conseguiu sendo juíza - vídeo

A magistrada informou ainda que a pré-candidatura foi uma oportunidade que apareceu tão logo ela demonstrou interesse em se aposentar da magistratura


 

A juíza aposentada Selma Arruda se filiou na tarde desta quinta-feira (5) ao Partido Social Liberal (PSL) e vai concorrer ao Senado nas eleições deste ano. Segundo ela, a decisão de se candidatar ocorre em razão de “não sentir o benefício social prático” no trabalho que exercia na magistratura - algo que pretende mudar se assumir um mandato no Congresso Nacional.

“Eu não consegui, agindo da forma que a lei determina, fazer justiça. Pois as imposições da lei me amarravam. Foi este motivo que me levou a pensar: chega de achar que as coisas são assim mesmo”, disse ela, durante entrevista coletiva após sua filiação.

A magistrada informou ainda que a pré-candidatura foi uma oportunidade que apareceu tão logo ela demonstrou interesse em se aposentar da magistratura – e que houve muitas ofertas de partidos interessados em sua filiação. “Foi um cavalo encilhado que passou na minha frente e eu pensei: ou você sobe, aceita o desafio, ou se aposenta e vai viajar”, disse.

Já a escolha pelo PSL, segundo Selma, se deu em razão da ideologia do partido, como o conservadorismo com relação aos valores moral, familiares e éticos, bem como o liberalismo econômico e a aplicação “em sua plenitude” do Estado Democrático de Direito – atributos considerados pela ex-magistrada como “primordiais” na sua escolha.

“Resolvi o PSL não apenas, com todo respeito aos outros, pelos ideais, mas pelas pessoas que o compõe. Acredito que o deputado Bolsonaro tem condições de chegar à Presidência da República e acredito nos companheiros que estão militando como pré-candidatos”, afirmou.

“O liberalismo coaduna com o combate à corrupção, porque quando você tem um Estado enxuto e as necessidades básicas são geridas pela própria sociedade e não pelo Estado, diminui a possibilidade da ocorrência da corrupção. Quanto maior o Estado, mais bagunçado e corrupto”, completou.

Polêmica do Bolsonaro - Selma, contudo, ressaltou que apesar de acreditar no potencial do deputado federal e presidenciável Jair Bolsonaro, não se filiou “a ele”, mas ao PSL, e não concorda com todas as declarações dadas pelo presidenciável ligadas a racismo, homofobia ou preconceito. Confira abaixo a íntegra da coletiva transmitida pelo Facebook do Gazeta Digital

             

“Bolsonaro tem qualidades e defeitos. Nunca quis procurar partido de anjos. Então, minhas ideias e posturas são minhas. Se não for as mesmas dele, paciência. Não vamos conseguir nunca um lugar onde todos pensam iguais. Então, acredito que algumas coisas foram mal interpretaras, outra ele pensa mesmo, mas não necessariamente é o que eu penso”.

No entanto, Selma defendeu o uso de armas para sua própria defesa – uma das principais do PSL. “Quando você tem uma lei hipócrita que prega o desarmamento, mas um Estado mais hipócrita ainda, que não consegue conter quem anda armado, você deve regularizar para que as pessoas de bem também andem armadas”, disse.

Segundo ela, as leis são “bonitas” no papel, mas não são aplicadas. “Se você perceber os índices de violência, a grande maioria não é por uso de armas de fogo. (...) Não é o objetivo que faz o crime, são as pessoas e a falta de ação do Estado”.

A ex-magistrada se mostrou ainda bem animada com a disputa e assegurou que “não está acostumada a perder” e que pode concorrer, inclusive, ao cargo de deputado estadual, de acordo com a decisão do partido. “Não sou muito acostumada a perder. É óbvio que não morreria em paz sabendo que não tentei”, encerrou.

 

Autor: Karine Miranda, repórter do GD
Data: 05/04/2018
Noticias da Sessão: Politica
» Por 5 a 0, Aécio vira réu em ação no Supremo
» Vaga deixada por Selma: TJ oficializa juiz Jorge Tadeu na Vara Contra o Crime Organizado
» Ex-aliados: “Escolho companheiros leais que ficam comigo, não adversários”
» R$ 180 milhões: Governo propõe que dinheiro arrecadado pelo Fundo Emergencial seja para a Saúde
» Prefeitura entrega 2 mil uniformes para garotas do Programa Siminina
» Atacadista: Após delação, Nadaf trabalha em empresa de citado na Ararath
» Abertura da Mini Fazendinha na Orla acontece nesta quarta-feira
» Mauro Mendes está pronto para disputar o governo, diz Júlio Campos - veja vídeo
» Saúde pública de Cuiabá é tema de reunião com vereadores da capital
» MPF sugere punição alternativa a Mendes por ofensas a juíz
» Vaza áudio de voo de Lula: "Manda este lixo janela abaixo aí"
» Lula deixa sindicato a pé e se entrega com 25 h de atraso
» Defesa de Lula vai ao STF para tentar impedir prisão de ex-presidente
» Selma Arruda disputará o Senado para fazer o que não conseguiu sendo juíza - vídeo
» Moro determina prisão de Lula para cumprir pena no caso do triplex
 
Tempo
 
Copyright © 2008 Todos os direitos reservados ao NavegadorMT.