Cuiabá 19/10/2018
Busca:  
 Home
 Últimas Notícias
 Cidades
 Política
 Esporte
 Polícia
 Meio Ambiente
 Turismo
 Agronegócio
 Mundo
 Artigos
 Aúdio e Video
 Galeria de Fotos
 Quem Somos
 Fale Conosco
Tunel do Tempo
 
Aquecido "Triângulo da Lavagem"

 Denuncias
 Enquete


Cidades
Assassinato em Florianópolis: Polícia Civil de SC já tem suspeito de matar cunhado de Fabris

A motivação do crime, porém, ainda é desconhecida; delegado diz que investigação está avançando


 

A Polícia Civil de Santa Catarina conseguiu identificar o suspeito de ter assassinado o servidor da Assembleia Legislativa de Mato Grosso, Carlos Volcov, de 32 anos.

 

O crime ocorreu no dia 28 de dezembro em Florianópolis. Carlos era cunhado do deputado estadual Gilmar Fabris (PSD).

 

O delegado responsável pela investigação do caso, Enio Mattos, titular da Delegacia de Homicídios de Florianópolis, preferiu não dar detalhes para não atrapalhar a investigação do crime.

 

“A única coisa que eu posso dizer agora é que temos o suspeito da autoria”, disse ao MidiaNews.

 

Nos próximos dias, o delegado deve pedir à Justiça um mandado de prisão preventiva contra o suspeito.

 

Carlos foi espancado pelo assassino antes de ser morto a tiros. O corpo dele foi localizado na entrada do Bairro Estreito, no Morro da Caixa, área de risco da Capital catarinense.

 

Entre as hipóteses trabalhadas pelo delegado estão latrocínio e acerto por causa de drogas.

 

“Mas não temos informações da motivação ainda, somente suspeitas da autoria”, limitou-se a dizer.

 

Enio Mattos disse que a investigação sobre o caso está avançando diariamente. Ele já ouviu os familiares da vítima, além de outras testemunhas do crime. Agora aguarda apenas o laudo da morte.

 

O caso

 

O servidor passava as festas de fim de ano com a família na residência de veraneio de Fabris.

 

Na quinta-feira (28), Carlos teria desaparecido e a família notificado as autoridades.

 

Os familiares do servidor identificaram o corpo na segunda-feira (1º).

 

O corpo de Carlos Volcov foi sepultado na quarta-feira (3), em Curitiba (PR).  

 

Em 2009, Carlos Volcov havia sobrevivido a uma tentativa de homicídio na região do Porto, em Cuiabá.

 

Ele trabalhava na Assembleia desde 2009.  Ano passado, passou a exercer a função de taquígrafo.

  

Ele deixa uma filha de 11 anos.

 

Em entrevista após o assassinato, Fabris relatou ao MidiaNews a luta do cunhado contra a dependência química. 

 

“Ele era um menino muito sofrido, lutava contra o vício. Já levamos para clínica, ele já foi internado. Vira e mexe fazíamos tratamento com psiquiatra, mas o vício é muito cruel. É difícil a pessoa sair dele”, desabafou.

 

Fabris disse acreditar na possibilidade de que Carlos tenha sido vítima de latrocínio.

 

Leia mais: 

 

Deputado: “Ele lutava contra o vício; era um menino muito sofrido”

 

Autor: Midia News - THAIZA ASSUNÇÃO DA REDAÇÃO
Data: 09/01/2018
Noticias da Sessão: Cidades
» Iniciativa da Prefeitura: Vereadores aprovam projeto de lei para que imposto da Uber fique em Cuiabá
» Perdeu controle: Estudante de Direito da Unemat morre em acidente de carro
» Veja quem ainda pode: Veja quem pode sacar cotas do PIS/Pasep após prazo
» Prefeitura finaliza projetos e consegue aprovar financiamento de dois viadutos em Cuiabá; fotos
» Fotos e vídeos: Chuva derruba árvores, placas e acidentes são registrados em Cuiabá
» Ventania derruba árvores em Cuiabá e Defesa Civil monitora temporal
» Após colisão, carreta pega fogo e outra cai em ribanceira na Serra Taipirapuã, veja video
» Parada Cardíaca: Rapaz passa mal e morre durante prova prática do Detran
» Jaciara: Operadora de caixa é executada com 5 tiros ao sair do trabalho
» Ao lado da igreja: “Perdemos tudo", diz moradora que teve casa incendiada em Cuiabá
» Bolsonaro tem alta da UTI, diz boletim médico
» Atroprlsmrnto na Miguel Sutil: Médica Letícia Bortolini é denunciada por 4 crimes pela morte de verdureiro
» Tempo seco: Umidade deve seguir baixa; médica alerta para riscos à saúde
» Garçom morre ao cair do 10º andar do Hotel Paiaguás
» Bolsonaro no Twitter: 'Estou bem e me recuperando'
 
Tempo
 
Copyright © 2008 Todos os direitos reservados ao NavegadorMT.