Cuiabá 15/12/2017
Busca:  
 Home
 Últimas Notícias
 Cidades
 Política
 Esporte
 Polícia
 Meio Ambiente
 Turismo
 Agronegócio
 Mundo
 Artigos
 Aúdio e Video
 Galeria de Fotos
 Quem Somos
 Fale Conosco
Tunel do Tempo
 
Aquecido "Triângulo da Lavagem"

 Denuncias
 Enquete


Politica
Botelho defende lanche para estudantes antes do início das aulas

 

Mato Grosso deverá oferecer lanches aos estudantes da rede pública de ensino antes do início das aulas. É o que defende o presidente da Assembleia Legislativa, deputado Eduardo Botelho (PSB), no Projeto de Lei 69/17, que recebeu parecer favorável da Comissão de Educação, Ciência, Tecnologia, Cultura e Desporto e aguarda votação em Plenário.

Objetivo é propiciar melhores condições de aprendizado aos alunos, especialmente aos carentes, que na maioria das vezes, já chegam a escola com fome e têm que aguardar o horário do lanche para se alimentarem.

O artigo 1º desse projeto obriga o Poder Público a ofertar diariamente um lanche antes do início das aulas, para os alunos matriculados em toda a rede estadual de ensino. Para isso, o lanche deve ser ofertado 30 minutos antes do início das aulas nos turnos matutino, vespertino e noturno. Dessa forma, serão beneficiados os alunos da Educação Infantil, Fundamental, Médio e Ensino de Jovens e Adultos – EJA.

Botelho defende a proposta como fundamental para o crescimento, a aprendizagem, o rendimento escolar dos estudantes e a formação de hábitos alimentares saudáveis.

 “Com este projeto pensamos em diminuir a deficiência alimentar dos estudantes e garantir uma alimentação de qualidade, uma vez que, alunos bem alimentados renderão muito mais em salas de aulas. Por isso, temos a certeza que os deputados votarão pela aprovação”, afirma Botelho.

Ele chama a atenção para a realidade de muitos alunos da rede pública de ensino que, sem condições, se alimentam de forma precária em suas casas, sem ao menos tomar um copo de leite, e têm que esperar até a metade do período de aulas para se alimentarem.

Recentemente, um site de notícias nacional, divulgou o caso de um aluno carente, de oito anos, da escola do Cruzeiro, no Distrito Federal, que desmaiou de fome durante a aula, reforçando a ideia de que o alimento servido na chegada à escola ajudará, consideravelmente, os estudantes a ter melhores condições físicas e, consequentemente, aproveitamento das aulas.

 

Autor: Eduardo Botelho - Assessoria
Data: 22/11/2017
Noticias da Sessão: Politica
» Vereadores de Cuiabá concedem 13º salário para si mesmos
» Deputados aprovam orçamento de R$ 20,3 bilhões para o Estado
» Contas Públicas: Orçamento da Prefeitura de Cuiabá prevê R$ 49 milhões a mais
» MT espera receber R$ 150 mi de empresas delatadas por Silval
» Alívio no caixa: Taques afirma que R$ 500 mi do FEX pagará Saúde e fornecedores
» Base de Taques: Botelho diz que Mauro quer Senado e espera consenso em grupo
» Caso Fabris: Ministro do STF é contrário à soltura de deputados pelo Legislativo
» 500 milões no caixa: Câmara aprova FEX e projeto será analisado pelo Senado Federal
» Novo projeto: Prefeito de Cuiabá garante que SEC 300 ficará melhor com mudanças
» Fávaro deixa secretaria de Meio Ambiente até dia 15 de dezembro
» Júlio Campos afirma que DEM só mantém compromisso com Pedro Taques caso esteja na majoritária
» Democratas dissolve todos os diretórios do Brasil e grupo de Mendes tem aval para montar executiva em MT
» Reforço no caixa: Governo afirma que Conab liberou R$ 110 milhões para o Estado
» PLOA 2018: Lei Orçamentária de 2018 é debatida em audiência pública na ALMT
» Bezerra assegura que jamais fez pagamento para empresa e diz que “quem deve explicar” é Silval
 
Tempo
 
Copyright © 2008 Todos os direitos reservados ao NavegadorMT.