Cuiabá 24/10/2017
Busca:  
 Home
 Últimas Notícias
 Cidades
 Política
 Esporte
 Polícia
 Meio Ambiente
 Turismo
 Agronegócio
 Mundo
 Artigos
 Aúdio e Video
 Galeria de Fotos
 Quem Somos
 Fale Conosco
Tunel do Tempo
 
Aquecido "Triângulo da Lavagem"

 Denuncias
 Enquete


Mundo
Terremoto mata mais de 20 crianças em escola na Cidade do México

Trinta crianças ainda estão desaparecidas. Buscas continuam nesta quarta-feira e número de mortos em todo o país foi revisado para 225.


 

Ao menos 22 crianças morreram e outras 30 estão desaparecidas sob os escombros de uma escola na Cidade do México que desabou durante o terremoto de 7,1 graus que sacudiu na terça-feira (19) o centro do México. Em todo o país, o número de mortos foi revisado para 225 nesta quarta (20).

 

O último balanço das vítimas foi divulgado pelo presidente mexicano, Enrique Peña Nieto, na manhã desta quarta-feira. Além das crianças, dois adultos morreram e 12 estão desaparecidos na escola Enrique Rebsamen, de acordo com a Reuters. A TV Televisa diz que o número de mortos na escola chega a 32.

Matéria completa no link abaixo:

 

https://g1.globo.com/mundo/noticia/terremoto-mata-21-criancas-em-escola-na-cidade-do-mexico.ghtml

 

VEJA FOTOS DO TERREMOTO

De acordo com a BBC desabamento, que afetou a saída de emergência da escola, ocorreu justamente quando pais e responsáveis retiravam as crianças do local durante o tremor. As equipes de resgate passaram a noite em uma procura desesperada por sobreviventes. Voluntários ajudavam socorristas a conseguir água, medicamentos e gasolina para geradores elétricos usados no resgate.

 

De acordo com a Defesa Civil do México, as 225 mortes foram registradas na Cidade do México (94), Morelos (71), Puebla (43), Estado do México (12), Guerrero (4) e Oaxaca (1).

 

O Serviço Geológico dos EUA (USGS) detectou o epicentro do tremor perto da cidade de Izucar de Matamoros, que fica ao sul da capital mexicana, às 15h14 (hora de Brasília). Houve registro de mortos nos estados de Morelos, Puebla e Guerrero e na Cidade do México.

 

A escola foi uma das centenas de edificações que ficaram destruídas com o tremor. Imagens de celular mostram o momento em que um desses edifícios desabou. Quase 2 milhões de pessoas na Cidade do México ficaram sem eletricidade e as linhas telefônicas entraram em colapso. Brasileiros relatam devastação provocada pelo tremor.

 

O Papa Francisco pediu nesta quarta para que os fieis rezassem pelas vítimas do terremoto. "Vi que há muitos mexicanos hoje aqui entre vocês. Causou muitas vítimas e danos materiais. Neste momento de dor quero manifestar minha proximidade e oração a toda a querida população mexicana", afirmou durante a audiência semanal no Vaticano.

 

Coincidência de datas

 

 

O abalo ocorreu exatamente 32 anos depois do grande terremoto mexicano de 19 de setembro de 1985, que matou pelo menos dez mil pessoas -- o número total é incerto.

 

O México fica entre cinco placas tectônicas e é um dos países com maior atividade sísmica no mundo. Em 7 de setembro, um terremoto de magnitude 8,1 atingiu o sul do país e deixou mais de 90 mortos.

 

 

  

Autor: Por G1
Data: 20/09/2017
Noticias da Sessão: Mundo
» As misteriosas estruturas de pedra encontradas com Google Earth na Arábia Saudita
» Equipes de resgate localizam criança com vida sob escombros de escola no México
» Terremoto mata mais de 20 crianças em escola na Cidade do México
» Irã diz possuir artefato chamado de 'pai de todas as bombas' com 10 toneladas
» Furacão Irma deixa rastro de destruição; FOTOS
» Identificado autor de atentado de Barcelona, diz polícia
» Ataque terrorista em Barcelona: o que se sabe e o que falta esclarecer
» Na Turquia: Grupo Flor Ribeirinha, de Cuiabá, se torna campeão mundial de folclore
» Tragédia na Europa: Cuiabano morre em acidente no balneário de Ibiza, na Espanha
» Mexicana Pemex cancela contrato de US$100 milhões com Odebrecht
» Donald Trump Jr. divulga suposta troca de e-mails com pessoas ligadas ao governo russo no Twitter
» Polícia argentina acha museu secreto do nazismo em casa de colecionador
» Manifestantes voltam a protestar contra o G20 nas ruas de Hamburgo
» Coreia do Norte diz que testou com sucesso míssil intercontinental
» Cardeal australiano George Pell é acusado de pedofilia; religioso nega
 
Tempo
 
Copyright © 2008 Todos os direitos reservados ao NavegadorMT.