Cuiabá 23/02/2018
Busca:  
 Home
 Últimas Notícias
 Cidades
 Política
 Esporte
 Polícia
 Meio Ambiente
 Turismo
 Agronegócio
 Mundo
 Artigos
 Aúdio e Video
 Galeria de Fotos
 Quem Somos
 Fale Conosco
Tunel do Tempo
 
Aquecido "Triângulo da Lavagem"

 Denuncias
 Enquete


Cidades
Pente-Fino: Em Mato Grosso, 746 segurados têm benefícios do INSS cancelados

Cancelamentos devem gerar economia de R$ 12 milhões. Pente-fino focou em beneficiários que há mais de dois anos não passavam por revisão no INSS.


 

Em Mato Grosso, 746 segurados do Instituto Nacional do Seguro Social (INSS) tiveram os benefícios de auxílio-doença cancelados, segundo levantamento da instituição. Os motivos vão desde não comparecimento na perícia médica e aval positivo para retorno ao trabalho. A economia estimada com os cancelamentos no estado é de cerca de R$ 12 milhões.

 

Previsto em lei, o auxílio-doença estabelece o repasse de dinheiro ao segurado do INSS que, por uma doença ou acidente, fica temporariamente incapaz de trabalhar. Para receber os recursos, a pessoa precisa apresentar laudo médico e passar por revisão.

 

Ao todo, foram realizadas em Mato Grosso 643 perícias, das quase 4 mil cartas enviadas convocando os beneficiários para o chamado “pente-fino”.

 

O pente-fino do governo federal focou naqueles beneficiários que há mais de dois anos não passavam por revisão no INSS, o que é obrigatório.

Dos 746 auxílios-doença cancelados:

·                  505 foram cortados após perícia

·                  202 foram cancelados em razão do não agendamento ou não comparecimento do beneficiário ao exame

·                  39 cancelados com data futura

 

De acordo com o INSS, os segurados que tiveram o benefício cortado após a perícia foram considerados aptos para voltar ao trabalho. Já aqueles que terão o benefício cancelado com datat futura devem ser aptos para as atividades laborais em até 90 dias.

 

Um novo edital convocando os segurados para as perícias foi divulgado. Os beneficiários convocados receberão uma carta com a convocatória. Após o recebimento, é necessário entrar em contato com o órgão pelo 135 e agendar a perícia.

 

A orientação do INSS é para que os beneficários atualizem o endereço para não perder a convocação e compareçam na perícia com laudos médicos atualizados.

  

Autor: Por G1 MT
Data: 09/08/2017
Noticias da Sessão: Cidades
» Muxirum: Projeto de combate ao analfabetismo beneficiará mais de 9 mil pessoas em 2018
» MTs 240 e 343: Botelho intervém e Sinfra garante recuperação de rodovias
» Atividades do programa Siminina retornam na próxima segunda-feira (19)
» Sigilo garantido: População auxilia investigações criminais pelo disque-denúncia
» Aniversário da Cidade: Governador visita obras de habitação em Poconé
» Guaxe volta e conclui Rua 5 no Jardim União. Vanderlúcio comemora
» Reforma, substituição e construção de novas pontes beneficiam comunidades urbanas e rurais de Cuiabá
» Pró-Estradas: Estado conclui 2.400 km de asfalto em três anos de gestão
» Arrependido: Após prisões e processos, Silval 'ajudará' acabar com corrupção endêmica - veja vídeo
» Bebê que teve 90% do corpo queimado vai fazer transplante de pele
» Sinal interrompido: Oi é multada por bloquear telefone e atrapalhar grampos da PJC
» PRÓ-ESTRADAS - Governo autoriza concessão de 533 km de rodovias estaduais
» Assassinato em Florianópolis: Polícia Civil de SC já tem suspeito de matar cunhado de Fabris
» Transporte Público: Emanuel inaugura estação climatizada; usuários protestam
» Arrependido: Padre que posou com arma diz que errou e pede perdão a fiéis
 
Tempo
 
Copyright © 2008 Todos os direitos reservados ao NavegadorMT.