Cuiabá 22/07/2018
Busca:  
 Home
 Últimas Notícias
 Cidades
 Política
 Esporte
 Polícia
 Meio Ambiente
 Turismo
 Agronegócio
 Mundo
 Artigos
 Aúdio e Video
 Galeria de Fotos
 Quem Somos
 Fale Conosco
Tunel do Tempo
 
Aquecido "Triângulo da Lavagem"

 Denuncias
 Enquete


Meio Ambiente
Iniciativa busca manter acordo sobre mudanças climáticas nos EUA

A iniciativa visa, entre outras coisas, limitar a emissão de gases do efeito estufa


 

O governador da Califórnia, Jerry Brown, e o ex-prefeito de Nova York, Michael Bloomberg, lançaram ontem (12), na cidade de San Francisco, uma nova iniciativa, conhecida como "Promessa da América" (America's Pledge), para continuar com a causa do Acordo de Paris sobre mudanças climáticas nos Estados Unidos. A informação é da agência Xinhua.

 

"Hoje estamos enviando uma mensagem clara ao mundo de que os estados, cidades e empresas dos EUA estão avançando com os compromissos do nosso país no âmbito do Acordo de Paris, com ou sem Washington," disse Brown, que anunciou na semana passada que o seu estado, na costa oeste americana, convocaria os líderes climáticos mundiais para uma Cúpula Global de Ação Climática a ser realizada em San Francisco, em 2018.

 

O governador da Califórnia foi recentemente nomeado assessor especial para Estados e Regiões antes da 23ª Conferência das Partes das Nações Unidas (COP23). Já Michael Bloomberg foi nominado enviado especial geral da ONU para Cidades e Mudanças Climáticas.

 

 

"Nos EUA, os níveis de emissão são determinados muito mais pelas cidades, estados e empresas do que pelo governo federal, e cada um desses grupos está agindo porque é do seu melhor interesse. Reduzir as emissões é bom para a economia e para a saúde pública. O governo americano pode ter se retirado do Acordo de Paris, mas a sociedade americana continua comprometida com ele, e vamos redobrar nossos esforços para alcançar os objetivos," observou Bloomberg.

 

Assinado até agora por mais de 190 países membros da ONU, o Acordo de Paris apela a todas as nações para que respondam à ameaça das mudanças climáticas, limitando o aumento de temperatura global neste século para menos de 2 graus Celsius acima dos níveis pré-industriais e prosseguir com os esforços para limitar o aumento da temperatura em até 1,5 graus.

 

Retirada americana

 

O presidente Donald Trump, anunciou no início de junho sua decisão de retirar os EUA do Acordo de Paris. Desde então, vários estados, cidades, empresas e universidades americanas reafirmaram o seu apoio ao acordo, incluindo a declaração We Are Still In (Ainda Estamos Dentro) e a coalizão Climate Mayors (Prefeitos Climáticos) de várias cidades e o grupo Aliança do Clima dos EUA.

 

Brown e Bloomberg disseram que trabalhariam para demonstrar que a ação subnacional pode reduzir significativamente as emissões de gases de efeito estufa dos EUA, em um momento de liderança federal limitada. Os dois encomendaram aos órgãos de pesquisa Rocky Mountain Institute e World Resources Institute que liderassem um esforço analítico de apoio à iniciativa e planejassem compilar e mostrar os compromissos climáticos existentes dos atores subnacionais e não estatais dos EUA na COP23, prevista para ser realizada em novembro próximo em Bonn, na Alemanha.

 

A America's Pledge também buscará quantificar o impacto agregado desses compromissos sobre as futuras emissões projetadas pelo atual governo dos EUA e da contribuição determinada pela administração do ex-presidente Barack Obama, em 2015, durante o período de vigência do Acordo de Paris, que exigiu uma redução da emissão de gases de 26 a 28% de 2005 até 2025.

 

 

Autor: DA AG BRASIL
Data: 15/07/2017
Noticias da Sessão: Meio Ambiente
» Holanda: Porto de Roterdã comunica vazamento 'considerável' de óleo
» Indígenas do Xingu falam sobre mudanças climáticas em documentário precioso
» Grande Barreira de Corais resistiu a cinco eventos de quase extinção, diz estudo
» Após seis anos de seca severa no Nordeste, chuva muda a paisagem
» Acrismat realiza workshop para debater o contexto ambiental e resíduos agroindustriais
» Estudo aponta alta contaminação de peixes por mercúrio em todas as bacias hidrográficas do AP
» Cientistas revelam níveis tóxicos de arsênico em poços da bacia do Amazonas
» Brasil tem, sim, terremotos - e há na história registro até de tremores com 'pequenos tsunamis'
» Por que Brasil se opõe à Europa em corte de emissões de CO2 por navios
» Da China chegam boas notícias para o setor ambiental
» A estreita conexão entre fome, perda de biodiversidade e mudanças do clima
» A estreita conexão entre fome, perda de biodiversidade e mudanças do clima
» Mergulhador filma 'mar de lixo' em ilha vizinha a Bali
» Frio extremo na Europa contrasta com onda de calor no Ártico
» Infração ambiental: Irmão de Silval tem ação prescrita e se livra de multa de R$ 109 mil
 
Tempo
 
Copyright © 2008 Todos os direitos reservados ao NavegadorMT.