Cuiabá 25/02/2018
Busca:  
 Home
 Últimas Notícias
 Cidades
 Política
 Esporte
 Polícia
 Meio Ambiente
 Turismo
 Agronegócio
 Mundo
 Artigos
 Aúdio e Video
 Galeria de Fotos
 Quem Somos
 Fale Conosco
Tunel do Tempo
 
Aquecido "Triângulo da Lavagem"

 Denuncias
 Enquete


Cidades
Foi só um susto: Menino perdido no milharal é encontrado vivo

Susto! Ele se perdeu na lavoura em Matupá, extremo Norte de MT, e passou a noite vagando. Pais, amigos e moradores saíram com lanternas em mutirão gritando nome dele.


 

Um menino de 2 anos e 8 meses ficou perdido, vagando a noite toda em um milharal em Matupá (695 Km ao Norte), desde às 18 horas de ontem (18) até as 6 horas da manhã desta sexta-feira (19), quando foi encontrado com vida.

A família de Daniel, de pequenos produtores rurais, é descendente de sulistas e mora em uma casa de madeira, tradicional nas cidades do Sul, no sítio Águas Claras, comunidade de Santa Luzia, Linha da Fartura, extremo Norte de Mato Grosso, região amazônica.

Reprodução

Matupá fica no extremo Norte do Estado
Reprodução

Já estava anoitecendo, quando a mãe de Daniel, Leila Raznievski, 28, que está grávida de 2 meses, chamou por ele e o filho não respondeu. "Isso não é comum, meu filho é um menino muito bonzinho, carinhoso, eu chamo e ele vem e às vezes até sem chamar ele chega, me abraça", narra a mãe, ainda muito emocionada e cansada com o susto.

Ela não dormiu à noite. Nem ela, nem o pai do menino, amigos, moradores das redondezas e a equipe da Polícia Militar que, mediante o sumiço, saíram em mutirão atrás do garoto.

"Com lanternas, celular, gritavam o nome dele e ele não respondia. Andou muito, foi para longe e se perdeu, é uma lavoura grande", detalha o comandante da PM em Matupá, tenente Herbi Rodrigues.

Facebook

Locutora Cláudia Godinho se envolveu com a causa

A locutora da Rádio Interativa na cidade também se envolveu com a causa. "Acabei de dar a notícia boa no ar sobre o aparecimento de Daniel", comemora Claudia Godinho. "Foi muita comoção na cidade, as pessoas rezando, fazendo correntes de oração no sítio, foi muita gente para lá, para tentar ajudar", relata.

Quando amanheceu o dia, o Corpo de Bombeiros da cidade vizinha, Colíder, chegou. Dentro de 1 hora, achou a criança para alívio de todos. Daniel estava todo sujo de barro, deitado no chão, cansado, debilitado e chorando.

Após muita emoção, abraços na mãe e no pai, a criança foi encaminhada ao Hospital Municipal de Matupá, onde passou por consulta médica. Mas não está ferido e fisicamente passa bem. Apenas sujo de terra. "Está cansado e emocionalmente ficou abalado", comentou a mãe com o Gazeta Digital, por telefone, após a consulta, com o filho já dormindo no colo em casa. "Graças a Deus, foi só um susto".


 

Autor: Keka Werneck, repórter do GD
Data: 19/05/2017
Noticias da Sessão: Cidades
» Muxirum: Projeto de combate ao analfabetismo beneficiará mais de 9 mil pessoas em 2018
» MTs 240 e 343: Botelho intervém e Sinfra garante recuperação de rodovias
» Atividades do programa Siminina retornam na próxima segunda-feira (19)
» Sigilo garantido: População auxilia investigações criminais pelo disque-denúncia
» Aniversário da Cidade: Governador visita obras de habitação em Poconé
» Guaxe volta e conclui Rua 5 no Jardim União. Vanderlúcio comemora
» Reforma, substituição e construção de novas pontes beneficiam comunidades urbanas e rurais de Cuiabá
» Pró-Estradas: Estado conclui 2.400 km de asfalto em três anos de gestão
» Arrependido: Após prisões e processos, Silval 'ajudará' acabar com corrupção endêmica - veja vídeo
» Bebê que teve 90% do corpo queimado vai fazer transplante de pele
» Sinal interrompido: Oi é multada por bloquear telefone e atrapalhar grampos da PJC
» PRÓ-ESTRADAS - Governo autoriza concessão de 533 km de rodovias estaduais
» Assassinato em Florianópolis: Polícia Civil de SC já tem suspeito de matar cunhado de Fabris
» Transporte Público: Emanuel inaugura estação climatizada; usuários protestam
» Arrependido: Padre que posou com arma diz que errou e pede perdão a fiéis
 
Tempo
 
Copyright © 2008 Todos os direitos reservados ao NavegadorMT.