Cuiabá 29/04/2017
Busca:  
 Home
 Últimas Notícias
 Cidades
 Política
 Esporte
 Polícia
 Meio Ambiente
 Turismo
 Agronegócio
 Mundo
 Artigos
 Aúdio e Video
 Galeria de Fotos
 Quem Somos
 Fale Conosco
Tunel do Tempo
 
Chacota: CQC vai a presídio entregar trem a Silval Barbosa

 Denuncias
 Enquete


Esporte
Campeonato Mato-grossense: Mudança de última hora expõe 'incompetência' na FMF

É preciso esclarecer no entanto que, antes do muro cair o estádio já estava interditado por falta de segurança há três anos.


 

As vésperas da eleição mais disputada nos últimos 40 anos a Federação Mato-grossense de Futebol (FMF) confirma sua incompetência, denunciada pelas chapas opositoras que concorrem ao pleito marcado para esta quinta (16), às 9h na sede da entidade. Sede que aliás não pertence mais a FMF.

A exemplo do Estádio Presidente Dutra, o prédio onde funciona a federação, na rua 13 de Junho, foi comprado pela Prefeitura Municipal de Cuiabá, na gestão do prefeito Chico Galindo.

Antes de falecer o então presidente Carlos Orione vendeu o quarteirão inteiro ao município por R$ 3 milhões, mas, desde então a região, incluindo o estádio, foi abandonada pela gestão municipal.

Durante o Carnaval parte do muro do estádio desabou e até hoje não foi levantado. Ainda assim a FMF havia marcado a partida entre Operário F.C e Araguaia para às 15h desta quarta-feira (15), no local, que não oferece as mínimas condições de segurança. Apesar dos riscos a gestão imprudente da FMF marcou o jogo para o velho Dutra, que um dia já foi tombado como Patrimônio Histórico.

No entanto, para a surpresa dos clubes, imprensa e dos torcedores, na manhã desta quarta a FMF mudou a tabela novamente e o jogo foi transferido para a Arena Pantanal, sem a comercialização de ingressos.

Em nota oficial a assessoria da entidade afirma que 'após ter a confirmação do Juizado Especial do Torcedor que a partida poderia ser realizada no estádio Presidente Dutra, com portões fechados, o local passou por medidas alternativas para cobrir o espaço aberto no muro do estádio (instalação de tapumes). Porém sem tempo hábil para uma vistoria dos órgãos competentes, o local continua interditado e sem condições de uso", encerra a nota.

É preciso esclarecer no entanto que, antes do muro cair o estádio já estava interditado por falta de segurança há três anos. Isso porque durante um jogo válido pelo Campeonato Mato-grossense, entre Mixto e Luverdense, vândalos arremessaram objetos, como latões de lixo de ferro e até extintores no campo de jogo. Uma juíza que estava nas arquibancadas flagrou a ação e interditou o Dutra.

Se a eleição realmente ocorrer amanhã o que o torcedor espera é que a nova gestão eleita possa modernizar e reorganizar o nosso futebol, caso contrário os estádios continuarão vazios, exclusivamente por culpa dos maus dirigentes.

 

Autor: Oliveira Júnior, editor A Gazeta
Data: 15/03/2017
Noticias da Sessão: Esporte
» Futebol americano: Cuiabá Arsenal confronta Luverdense neste fim de semana
» Circuito de tênis abre inscrições para torneio em Sinop
» Cuiabá Arsenal se reorganiza para estadual de futebol americano
» Tenista cuiabano vence 1ª fase do estadual e assume liderança
» Campeonato Mato-grossense: Mudança de última hora expõe 'incompetência' na FMF
» Invicto no ano, Luverdense recebe Corinthians para repetir feito de 2013
» Justiça da França apura propina para escolha da Olimpíada do Rio, diz jornal
» Fundador da Mancha Verde é encontrado morto na Zona Sul de SP com 22 tiros
» Copa do Brasil: Luverdense quer enfrentar Corinthians na Arena Pantanal
» Spider chora no octógono após anúncio de vitória no UFC 208
» Cuiabá Arsenal procura talentos para campeonato estadual
» Cuiabano Richard Gama escala ranking sul-americano de tênis
» A lenda viva: Tom Brady lidera virada histórica dos Patriots, bate recordes e leva o quinto Super Bowl
» Mais que um jogo: em dia de homenagem à Chape, Brasil vence Colômbia com gol de Dudu
» Pai e filho faturam prata em competição de tênis de mesa em Cuiabá
 
Tempo
 
Copyright © 2008 Todos os direitos reservados ao NavegadorMT.