Cuiabá 26/04/2017
Busca:  
 Home
 Últimas Notícias
 Cidades
 Política
 Esporte
 Polícia
 Meio Ambiente
 Turismo
 Agronegócio
 Mundo
 Artigos
 Aúdio e Video
 Galeria de Fotos
 Quem Somos
 Fale Conosco
Tunel do Tempo
 
Chacota: CQC vai a presídio entregar trem a Silval Barbosa

 Denuncias
 Enquete


Artigo
Artigo: José Silveira Lage - Você está atento ao ritmo do seu coração?

José Silveira Lage é cardiologista arritmologista e eletrofisiologista da Cardioritmo em Cuiabá


 

Uma vez ou outra devido a um esforço ou atividade física, todos nós já sentimos, o coração  bater mais rápido, mas se isso acontece com uma certa freqüência e sem motivo aparente pode significar que há algo errado e convém procurar um médico.

O aceleramento do coração pode ser uma doença denominada Taquicardia que é uma das formas de arritmia cardíaca. Nesse caso, o coração pulsa entre 150 e 200 batidas por minuto colocando o individuo em risco de vida, quando o normal é de 60 a 100 batimentos por minuto.

Muitas são as causas da taquicardia que podem ser desde problemas congênitos (nascem com alguma deficiência no coração), doença de chagas, miocardite, dilatação do coração. Em alguns casos o tratamento pode ser  a base de medicamentos. Mas às vezes é necessário um procedimento invasivo para corrigir o problema denominado Estudo Eletrofisiológico com Ablação que consiste na introdução de um cateter até o coração, onde fará um rastreamento para registrar e analisar sua atividade elétrica. Em muitos casos é possível cauterizar o foco responsável pela arritmia durante o procedimento.

 Sempre temos que ficar atentos ao ritmo do nosso coração. Qualquer alteração como arritmias estão ligadas a problemas graves, como infarto e derrame cerebral, e podem matar. Por isso a importância de se fazer o check up e de procurar um acompanhamento de um cardiologista pelo menos uma vez por ano.

E ao contrário do que se pensa, hoje há muitos jovens com taquicardia que só descobrem quando estão acometidos por um infarto, ou por um derrame (Acidente Vascular Cerebral – AVC). Doença que pode ser descoberta por exames simples como eletrocardiograma ou holter 24 horas.

Constatado a arritmia é importante queo cliente seja avaliado pelo cardiologista especialista em arritimias (  arritmologista e eletrofisiologista ) para que ele avalie o problema e se necessário, realize o procedimento que é realizado em Cuiabá com muita segurança há pelo menos 10 anos.

Qualquer descompasso do coração deve ser observado e analisado.

 

Autor: José Silveira Lage
Data: 09/10/2015
Noticias da Sessão: Artigo
» Artigo: Doença “democrática” - Ernani Caporossi
» Artigo - Jairo Pitolé Sant’Ana: Aquicultura x pesca
» Artigo: João Batista Pereira de Souza - Tornozeleiras Eletrônicas: Uma prisão simbólica
» Artigo: Rinaldo Segundo - Mudando a Amazônia: o Social
» Artigo: Elizeu Silva - De bagre ensaboado a camaleão
» Artigo: José Silveira Lage - Você está atento ao ritmo do seu coração?
» Artigo: ELIZEU SILVA - Legislativo poconeano: na contramão da historia
» Artigo - Flavio Garcia: “A intenção é que faz a ação”
» ARTIGO RUI PRADO - Terceirização, justiça no trabalho do campo
» Artigo - José Marcondes: A FALÁCIA DO GOVERNO TÉCNICO
» Vencendo o câncer de prostata na terceira idade
» Artigo Carlos Avalone "Cavalo Arreado"
» Hacked
» Artigo: Atila Roque - Direito de protestar
» Artigo: Marcello Duarte Vieira - Os três principais passos para conquistar a independência financeira
 
Tempo
 
Copyright © 2008 Todos os direitos reservados ao NavegadorMT.